NEG no mundo

O NEG também recebe pesquisadores, alguns em pós-doutoramento, outros como professores visitantes, muitos vindos de famosas universidades internacionais. Professores pesquisadores como Adriana Belletti e Luigi Rizzi (Università degli Studi di Siena – Unisi), Angelika Kratzer (University of Massachusetts – Umass), Georg Kaiser (Universität Konstanz), Kai von Fintel (Massachusetts Institute of Technology-MIT), Juan Uriagereka e Paul Pietroski (University of Maryland), Claire Beyssade (Jean Nicol), são alguns dos que já visitaram o NEG.

O grupo tem também visibilidade internacional pelos projetos dos quais participa. No momento, são dois projetos de cooperação internacional: Roberta Pires de Oliveira coordena, juntamente com Carmen Dobrovie-Sorin (CNRS/ LLF/Paris 7), o projeto de cooperação internacional Capes/Cofecub sobre os nominais nus; e Carlos Mioto coordena um convênio com a Universidade de Konstanz. Esses convênios permitem que nossos alunos e as nossas pesquisas transitem internacionalmente.

Introdução

NEG no Brasil